Carregando...

sexta-feira, 8 de junho de 2012

PELO FIM DO ATIVISMO JUDICIAL


Advogado comenta recente notícia em que ministro Marco Aurélio do STF diz ser contra
a frase "Deus seja louvado" nas notas de Real.
Agora o ministro quer ser o comentarista oficial de assuntos gerais do Brasil?
Advogado se indigna com o mantra "decisão judicial não se discute mas se cumpre" e lança campanha nacional das "Diretas Já" para o Supremo Tribunal Federal.
"Porque não podemos votar para escolher os ministros do STF?"
"Todos os poderes têm que estar sob o controle direto da população"
"Os interesses escusos para escolha dos ministros do Supremo têm que acabar. A população que
deve escolher os ministros da mais alta côrte judicial brasileira"
"Chega de arrogância atrás da toga! Não temem a Deus e nem a opinião pública? Agora vão ter que temer o voto dos cidadãos!"
"Pelo fim do ativismo judicial"
"Pelo fim da vitaliciedade e a favor de mandatos de 4 ou 8 anos para os ministros do STF"
Participe e divulgue!
Assista:
extraido do blog missionária rezangela alves justino 

Nenhum comentário:

Postar um comentário