Carregando...

quarta-feira, 26 de novembro de 2014

Qual é a religião oficial das escolas públicas modernas?

Publicado em  por 

Um Senador estadual da Carolina do Sul que deu o seu apoio às medidas que visavam dar liberdade académica aos professores de modo a que estes pudessem tecer críticas cientificas à teoria  da evolução, afirmou que o Cristianismo foi sistematicamente ilegalizado nas escolas públicas e substituído pelo Darwinismo.
Mike Farr representa o Distrito 6 da Carolina do Sul e é membro do Education Oversight Committee do estado. Tal como reportado previamente, em Fevereiro último Fair foi contra a terminologia pró-evolucionista nos padrões de educação científica que foram propostos na altura. Então, em Maio deste ano, Fair militou em favor duma política que iria permitir aos alunos aprender os argumentos a favor e contra a teoria da evolução.
Apesar da previsível oposição dos evolucionistas, Fair não está a recuar da controvérisa criação/evolução; numa coluna publicada pelo The Post and Courier, Fair explicou a sua posição em relação à teoria da evolução, alegando a busca pela verdade cientifica foi alvo dum “estrangulamento” inconstitucional por parte dos tribunais:
A “verdade” tem que se conformar ao Darwinismo ou então ela será rejeitada. Creio que não interessa nada o que se vê com os olhos e o que a nossa mente nos diz.
Qualquer outra coisa que esteja contra o evolucionismo ateísta, ressalvou Faur, é censurada pelas escolas governamentais:
Universo_EvidenciasFazer inferências à melhor informação factual não é permitido se ela apontar para  a religião e não para o ateísmo. Considerar o fine tuning da nossa galáxia um milagre … é uma discussão que não é permitida.
Referindo-se à Primeira Emenda da Constituição Americana, Fair sugeriu que os mais recentes casos legais fizeram uma má interpretação do significado da Establishment Clause:
A Primeira Emenda da Constituição dos EUA proclama: “O Congresso não fará lei alguma em respeito ao estabelecimento de religião, ou proibindo do livre exercício da mesma”. Isto tem precisamente o significado que aparenta.
Segundo Fair, a liberdade religiosa garantida pela Primeira Emenda tem sido progressivamente colocada em causa pelos mais recentes casos legais:
A maioria dos nossos Pais Fundadores promovia a fé Cristã individualmente mas eles concordaram que o governo não deveria estabelecer uma religião estatal financiada pelos contribuintes… No entanto, os tribunais vieram a determinar que as palavras da Constituição querem dizer. Todos os Juízes do Tribunal Supremo fornecem-nos um novo conjunto de “fundadores”.
Acredito que os princípios estabelecidos pelos Fundadores estão a ser removidos da esfera pública por uma séria de decisões estreitas feitas pelo Tribunal Supremo dos Estados Unidos. Fico perturbado com o facto do Tribunal Supremo ter alterado a Constituição através duma série de votos 5 contra 4, claramente à margem dos métodos propriamente estabelecidos para a alteração da nossa Constituição.
Fair cita então vários resultados indesejáveis por parte do Tribunal Supremo, incluindo a proibição da oração em muitos espaços públicos, a promoção do Darwinismo nas escolas públicas, e a exclusão de vários factos que apontam para um Projector Inteligente.
Custa-me acreditar que a inteligência tenha sido declarada inconstitucional dentro das escolas públicas.
Fair alega que os juizes que tomam decisões que contradizem a liberdade religiosa estão a rodear o sistema governamental estabelecido pela Constituição dos Estados Unidos:
Nós temos um processo bem-estabelecido para a alteração da nossa Constituição, e ele garante um debate extenso; mas muitos princípios que são preciosos aos olhos dos Americanos estão a ser colocados de lado pelo activismo judicial.
Fair afirma que o debate evolução/criação é da maior importância visto que a crença em Deus é o fundamento para a moralidade:
Porque é que uma jovem pessoa se iria preocupar com o seu carácter se ela nada mais é que um conglomerado de partículas?
Pelo contrário, o Cristianismo disponibiliza uma base lógica tanto para a moralidade como também para a ciência:
O Cristianismo e a ciência não estão em conflito. O Cristianismo e a fantasia é que estão em conflito.
* * * * * * *
Qual é então a religião oficial das escolas públicas? Uma imagem vale por mil palavras…
Darwin Religiao
Fonte: http://darwinismo.wordpress.com/2014/11/20/qual-e-a-religiao-oficial-das-escolas-publicas-modernas/

Nenhum comentário:

Postar um comentário