Carregando...

quinta-feira, 9 de abril de 2015

INTOLERÂNCIA GAYZISTA É EXPOSTA

Imagem: Reprodução Facebook
Bolsonaro registrou o ocorrido e acusa Jean Wyllys de heterofobia por ter recusado assento ao seu lado
O deputado federal Jair Bolsonaro e o jovem Kim Kataguiri, um dos líderes do Movimento Brasil Livre (MBL), são exemplos recentes da intolerância e do desrespeito que a militância gay tenta impor ao país.
Nesta terça-feira (7), os deputados federais Jair Bolsonaro (PP) e Jean Wyllys (PSOL) pegaram o mesmo voo no Rio de Janeiro com destino a Brasília, e acabaram em assentos lado a lado no avião. Bolsonaro resolveu registrar a situação e divulgou em sua página no Facebook um vídeo que mostra Jean Wyllys mudando de lugar, ao descobrir que seu assento era ao lado dele.
Na gravação, Bolsonaro comenta: “Estou me sentindo discriminado aqui, imaginem se fosse o contrário?” (Veja o vídeo abaixo).
Em outro momento, Kim Kataguiri (um dos líderes das manifestações que movimentaram o país no dia 15 de março), desmascara o deputado Jean Wyllys, que o chamou de “analfabeto político”. Numa demonstração clara de que a “linha auxiliar” do PT ficou muito incomodada com o sucesso das manifestações anti-Dilma.
Desafiado para um debate, o ex-BBB, naturalmente, fugiu. Porque, além de ser desmascarado, nada teria a oferecer além de slogans sensacionalistas e vazios.
Fonte: Correio Braziliense, Veja e Facebook
Vídeo 1: O que aconteceria se um homossexual fosse humilhado em voo da TAM? (Jair Bolsonaro)

Vídeo 2: Jean Wyllys e o Analfabetismo Político (Kim Kataguiri)

via verdade gospel

Nenhum comentário:

Postar um comentário