Carregando...

segunda-feira, 11 de maio de 2015

Por que o socialismo é definitivamente um engodo e jamais um engano

 

socialismo
Não é novidade para leitores deste blog que sempre que eu vejo alguém dizendo que “o socialismo fracassou” ou “não deu certo em lugar algum do mundo” é como se eu ouvisse o barulho de giz riscando a lousa.
Auditores de segurança da informação ficam particularmente incomodados com este comportamento pois sabem que a mente de alguém que acha estar diante de um engano e a mente de alguém que percebe uma fraude agem de forma completamente diferente diante do perigo. No primeiro caso, um cérebro colapsado tende a misturar sentimentos de compaixão e afeto com alguma indignação. No segundo caso, a mente se treina para a precaução.
Por esta perspectiva, quando alguém acha que o “socialismo fracassou” tende a achar que esta doutrina é obra de pessoas bem intencionadas que “erraram”. Os líderes que adotaram o socialismo passam a ser pessoas “tolas”, que então devem ser lembradas de seu engano. A argumentação, mesmo que seja crítica diante do socialismo, tende a assumir tons de compaixão. Isto funciona no nível subconsciente, pois nosso cérebro tende a produzir sentimentos de compaixão diante de “enganados”.
Em visão estritamente oposta, eu defendo que o socialismo tem obtido sucesso em suas implementações, pois foi criado para a obtenção de poder totalitário a partir de frames utilizados para enganar incautos. Os líderes que o adotaram são pessoas perversas que, de acordo com seu sistema moral, fizeram o que tinham que fazer e escolheram a melhor tecnologia para obter o que queriam: o socialismo. Repito: eles fizeram sua opção corretamente, de acordo com seus sistemas morais, que são bem diferentes dos nossos. Eles sabem do que fazem, e não merecem compaixão, mas uma desconstrução contínua, implacável e impiedosa.
Pode surgir daí a pergunta que “travaria” este empreendimento de passar a compreender o socialismo como uma tecnologia de sucesso (ao invés de um “engano de coitadinhos”): “Quais seus argumentos em favor desta hipótese?”. Apresento três.
(1) Algo que gera tanto benefícios para seus principais proponentes não pode ser um engano
Um engano, ou erro, resulta de uma ação inesperada, as vezes por falha de planejamento ou de conhecimento. Os resultados de enganos são normalmente malefícios de acordo com sua intenção. Por exemplo, se é sua intenção escolher um bairro seguro para morar, um engano pode levá-lo a cair em um bairro perigoso. Pelo engano, você tende a perder. Se você se engana no momento de identificar o sinal de trânsito, sua chance de bater o carro (ou ao menos de tomar uma multa) aumenta radicalmente.
Pode até ser que em experimentos científicos enganos tenham gerado descobertas. Mas a verdade é que o próprio experimento científico entende que o seu objetivo é gerar a resposta mais correta, mesmo que ela desvele alguns de nossos erros de julgamento. Da mesma forma, é possível descobrir algo além do esperado com um experimento. Isto não significa então uma refutação ao argumento de que enganos tendem a gerar malefícios, muito mais do que benefícios.
Porém, os líderes e muitos intelectuais orgânicos só obtém benefícios com o socialismo, mesmo que sua população seja lançada à míngua. Os irmãos Castro, Nicolas Maduro e Kim Jong-ul vivem vidas invejáveis, embora pareçam repelentes a nós que possuímos o menor senso de moralidade. Mas quem disse que todos os seres humanos possuem o mesmo senso de moralidade? Assim, de acordo com o senso moral perverso deles, só existiram benefícios resultantes do socialismo. Mas e quanto ao povo que sofre? Infelizmente, o mundo é dos espertos. Socialismo jamais foi feito para o povo, que sempre sofre feito cachorro nestes países. Sempre foi assim e sempre será. O socialismo não foi feito para eles, mas para os donos do poder, que não querem outra coisa na vida a não ser o socialismo.
Não existem enganos que só geram benefícios aos seus proponentes. Isto não é engano. É acerto.
(2) Após a materialização de um “engano”, as pessoas deveriam querer reverter a situação, e ocorre o oposto
Ainda sobre o engano, quando ele se materializa, as pessoas tendem a lutar para reverter a situação, mesmo que muitas vezes não consigam. Imagine o caso de Andressa Urach, que implantou hidrogel em suas pernas e teve uma infecção. Ela comentou várias vezes o quanto queria voltar atrás nesta decisão. Por sorte, ela se recuperou, mas não conseguiu voltar atrás por completo. Esse comportamento de querer reverter os resultados é típico diante de um engano. Diante de enganos, ou aprendemos com eles ou tentamos revertê-los.
Mas com o socialismo ocorre exatamente o oposto: nenhum dos líderes que chegaram ao poder via socialismo querem abandoná-lo, e muito menos abandonar o poder. Basta observar como se comportam os líderes socialistas e veja como eles não querem, de jeito nenhum, abandonar o barco. O PT é um exemplo clássico: o partido que “faz o diabo” para se manter no poder sabe que o socialismo é bom demais para ser abandonado.
Como pode ser um engano algo que, após ter dado resultado aos seus proponentes, não pode ser abandonado de forma alguma? Obviamente, não é um engano.
(3) Se fosse um “engano” efetivamente, as pessoas que causaram o engano deveriam encarar a situação de frente para se safarem dos problemas causados por ele
Diante de um engano, as pessoas precisam dizer a verdade, ao menos temporariamente, se querem corrigir a situação. Isto porque elas precisarão muitas vezes da ajuda de outras pessoas. Se você mentir o tempo todo, prejudicará a possibilidade de elas o auxiliarem. Voltemos ao caso de Andressa Urach. Se ela usou hidrogel, deveria contar os fatos e também dizer, de verdade, seus sintomas. Acreditamos, aliás, que ela o fez. Sem isso, ficaria difícil para alguém ajudá-la. Não é difícil imaginar porque é preciso encarar a situação de frente para se safar de um engano.
Ao contrário, os socialistas aprendem técnicas para mentir, ensinadas desde os tempos de Lenin, Trotsky e Grasmsci, que são exatamente feitas para que elas permaneçam no poder de acordo com o socialismo. Ou seja, se houvesse um “engano”, como elas criariam muralhas de engodos e embustes para impedir-nos de “ajudá-los”?
Na verdade, eles mentem tão compulsivamente porque sabem que o socialismo é bom demais para eles. Como não querem perder o ouro conquistado, mentem para atrapalhar qualquer um que queira “ajudá-los”. É claro que eles sabem que são os espertos, enquanto os que acham que estão enganados é que são os tolos da história.
Enfim, estes três argumentos são facilmente comprováveis na análise do comportamento dos líderes esquerdistas e de seus principais formadores de opinião. O socialismo não pode jamais ser um engano, pois foi feito para que eles tivessem poder totalitário. E eles conseguem o poder. Planos seguidos à risca não são enganos. Com o socialismo em uso, eles não querem largá-lo. Se fosse um engano, quereriam. Mas ninguém se agarra a um “engano” desta forma. Tente tirá-los do poder obtido via socialismo e veja como é difícil. E, por fim, eles tanto sabem que não são “vítimas de enganos” pois criaram até uma muralha de mentiras para evitar que você possa “ajudá-los”. É que eles sabem que não precisam de ajuda alguma, pois conquistaram (ou estão em processo de conquista) aquilo que sempre esteve no centro de seus desejos.
Sendo assim, vamos parar com essa conversa de “socialismo fracassou”? Ao contrário, o socialismo é a melhor tecnologia política para seu objetivo (obter poder totalitário). É por isso que temos que lutar contra esta tecnologia. Caso você ainda queira percebê-los como “enganados”, vai acabar se contaminando de sentimentos inconscientes de compaixão, o que só vai atrapalhá-lo nesta luta. Muito provavelmente você será abatido no meio do caminho por causa de colapsos cerebrais. Para evitar este colapso, melhor ver o socialismo como ele é, e não por uma visão ingênua.
O socialismo deve ser prioritariamente combatido por ser um sucesso de acordo com seu objetivo (dar poder totalitário aos seus líderes). Simples assim.
P.S.: Clique na campanha de “A Urgência de Sermos Charlie” para reservar seu exemplar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário