Carregando...

quarta-feira, 30 de setembro de 2015

As 45 metas do comunismo para os EUA (e demais países não comunistas) - Naked Communist - 1958

O Macartista traz a lista dos 45 objetivos comunistas [ainda] atuais - muitos deles já consumados ou em processo muito avançado... - elaborada em 1958 pelo brilhante autor, o conservador americano Cleon Skonsen (1913 – 2006). A lista é um excerto do livro Naked Communist, há meio século sem tradução para o português. 



1) Aceitação, por parte dos EUA, da coesistência como única alternativa à guerra atômica. 


2) Boa vontade dos Estados Unidos em desistir como melhor opção para evitar uma guerra atômica.


3) Desenvolver a ilusão de que o desarmamento total dos Estados Unidos seria uma demonstração de superioridade moral.


4) Permitir comércio livre entre todas as nações independente da filiação comunista e independente de serem ou não itens que poderiam ser usados para guerra. 


5) Extensão de empréstimos de longo prazo para a Rússia e satélites soviéticos.


6) Fornecer ajuda americana para todas as nações independente da dominação comunista.


7) Conceder reconhecimento da China Vermelha. Admissão da China para as ONU.


8) Configurar Alemanha Ocidental e Oriental como estados independentes apesar da promessa de Khrushchev's em 1955 de resolver a questão alemã por eleições livres sob supervisão da O.N.U. 


9) Prolongar as conferências sobre proibição de testes atómicos, pois os Estados Unidos concordaram em suspender os testes, enquanto as negociações estivessem em andamento.


10) Permitir a todos os satélites soviéticos representação independente/individual na O.N.U.


11) Promover a ONU como a única esperança para a humanidade. Se sua carta [das Nações Unidas] é reescrita, exigir que seja estabelecido um governo mundial com direito à forças armadas próprias e independentes.


12) Resistir a qualquer tentativa de proibir/ilegalizar o Partido Comunista.


13) Acabar com todos os juramentos de fidelidade.


14) Continuar dando acesso a Rússia ao Escritório de Patentes dos E.U.A.


15) Capturar um ou ambos os partidos políticos dos Estados Unidos.


16) Usar decisões de caráter técnico dos tribunais para enfraquecer instituições americanas de base/fundamentais, alegando que suas actividades violam os direitos civis.


17) Tomar o controle das escolas. Usá-las como centros de transmissão paras as propagandas socialista, e comunista atual. Tomar o controle de associações de professores. Inserir linha ideológica nos livros didáticos.


18) Adquirir o controle de todos os jornais estudantis;


19) Utilizar-se de revoltas estudantis para incitar manifestações públicas contra programas e organizações que estão sob ataque comunista.


20) Infiltrar-se na imprensa. Tomar o controle da cessão de crítica literária, redação do editorial, posicionamento político.


21) Adquirir o controle de postos-chave na rádio, TV, e cinema.


22) Continuar desacreditando a cultura americana através da degradação de formas de expressão artísticas. Skousen alegou que uma célula comunista americana lhe contou: "eliminar todas as boas esculturas dos parques e prédios, substituir por estruturas: disformes, estranhas e sem sentido.


23) Controlar os críticos de arte e diretores de museus de arte.


24) Eliminar todas as leis que regulam a obscenidade, chamando-as de "censura" e violão da liberdade de expressão e liberdade de imprensa.


25) Derrubar os padrões de cultura e moralidade, promovendo pornografia e obscenidade em livros, revistas, filmes, radio e televisão.


26) Apresentar homossexualidade, degeneração e promiscuidade como "normais, naturais, saudáveis." Skousen alegou que os comunistas procuraram incentivar a prática da masturbação.


27) Infiltrar-se nas igrejas e substituir a religião de revelação por uma religião "social". Desacreditando a Bíblia e enfatizando a necessidade de maturidade intelectual que não necessita de uma "muleta religiosa".


28) Eliminar orações ou qualquer forma de expressão religiosa nas escolas sobre o fundamento de que viola o princípio de "separação entre igreja e estado."


29) Desacreditar a Constituição Americana, rotulando-a de inadequada, antiquada/fora de moda, fora de sintonia com as necessidades modernas, obstáculo para a cooperação entre as nações a nível mundial.


30) Desacreditar os Pais Fundadores da América. Apresenta-los como aristocratas egoístas que não tinha preocupação com o "homem comum".


31) Depreciar todas as formas de cultura americana e desencorajar o ensino de história americana sobre o fundamento de que era apenas uma pequena parte da "imagem global". Dar mais ênfase à história russa desde que os comunistas assumiram.


32) Apoiar qualquer movimento socialista para dar controle central sobre qualquer aspecto da cultura - educação, entidades sociais, programas de bem-estar, clínicas de saúde mental, etc.


33) Eliminar todas as leis ou procedimentos que interferem no funcionamento do aparelho Comunista.


34) Eliminar a Comitê de Atividades Anti-Americanas.


35) Desacreditar e finalmente desmantelar o FBI.


36) Infiltrar-se e adquirir o controle de mais sindicatos.


37) Infiltrar-se e adquirir o controle de grande negócios.


38) Transferir alguns poderes de prisão da polícia para entidades sociais. Tratar todos os problemas comportamentais como desordens psiquiátricas que ninguém senão psiquiatras podem compreender ou tratar.


39) Dominar o carreira psiquiátrica e usar as leis de saúde mental como um meio de obter controle coercitivo sobre aqueles que se opõem aos objetivos comunistas.


40) Desacreditar a família enquanto instituição. Encorajar a promiscuidade, masturbação e divórcio fácil.


41) Enfatizar a necessidade de criar os filhos longe da negativa influência dos pais. Atribuir: preconceitos, bloqueios mentais e retardo de crianças à influência supressiva dos pais.


42) Criar a impressão de que a violência e a insurreição são aspectos legítimos da tradição americana; que estudantes e grupos de interesses deveriam se levantar e "unir as forças" para resolver problemas econômicos, políticos, e sociais.


43) Derrubar todos os governos coloniais antes que as populações nativas estejam prontas para se auto-governar.


44) Internacionalizar o Canal do Panamá.


45) Revogar a "reserva" Connally para que os Estados Unidos não possam impedir que o Tribunal Internacional de Justiça interfira na jurisdição do país, em seus problemas domésticos. Dar ao Tribunal Internacional de Justiça jurisdição sobre as nações e indivíduos.

FONTE: http://omacartista.blogspot.com.br/2011/...mundo.html
Leia mais: http://forum.antinovaordemmundial.com/Topico-as-45-metas-do-comunismo#ixzz3nEKKF7Es

Nenhum comentário:

Postar um comentário